Podcast É Pau, É Pedra: Clube do livro – Neuromancer

O podcast formado pelo grupo de contribuidores do Anticast – É Pau, É Pedra – gravou um episódio sobre o clássico Neuromancer, de William Gibson, que foi ao ar em 2016. O programa é boa uma indicação para aqueles que procuram compreender melhor diversas nuances da obra e do movimento literário cyberpunk, como sua datação, linguagem e especulações tecnológicas.

O convidado especial, Fábio Fernandes, quem realizou a última tradução de Neuromancer para o português, conta um breve histórico sobre as diferentes traduções que a obra recebeu desde que foi lançada no Brasil em 1991. Também revela as dificuldades e peculiaridades do processo, que resultou em seu trabalho para a editora Aleph.

Mas atenção: a partir de certo ponto, devidamente comunicado pelos apresentadores, há spoilers comentando todos os capítulos.

Clube do Livro #3 – Neuromancer (William Gibson)

Anúncios

Humans need not apply + Podcast Braincast: Você está sendo substituído por um robô

Explorando a relação entre trabalho e tecnologia, algo parece ser inevitável: as máquinas vão substituir a maioria das funções realizada por humanos. Esse é o tema do vídeo Humans need not apply, do canal CGP Grey.

De forma simples, somos apresentados a esse processo que já está ocorrendo e as diversas áreas afetadas. O vídeo realiza uma interessante síntese sobre a automação e a evolução do trabalho. Disponível com legenda em português:

Baseando-se nesse mesmo vídeo, a equipe do Braincast realizou um episódio dedicado a falar sobre essa relação do trabalho em frente a novas tecnologias e as mudanças que elas acarretam. Recomendo fortemente esse podcast pela expansão que realizam do assunto:

Braincast 190 – Você está sendo substituído por um robô

Podcast Ultrageek: Hackers – Piratas De Computador

O podcast da Rede Geek, o Ultrageek, abordou o filme Hackers – Piratas De Computador (1995) em um de seus episódios. Explorando os erros técnicos propositais, a equipe justifica as escolhas do diretor em usá-los, também comentam as tecnologias e técnicas de phreaking/hacking que se tornaram datadas. E com bastante humor citam os pontos mais marcantes do filme, as referências, influências e seus personagens fora do comum.

http://www.redegeek.com.br/2015/05/26/ultrageek-196-hackers-piratas-de-computador/

Podcast Braincast: Hackathon e o Movimento Maker

Explorando a dinâmica das maratonas de programação (hackathons), um desdobramento da cultura hacker, e da prática DIY/Maker, o Braincast apresentou um programa dedicado a falar desses movimentos que ainda tem muito a crescer em nosso país.

Os convidados Mauro Cavalletti e Pedro Gravena nos demonstra como podemos transformar nosso dia a dia com os métodos das hackathons, e como a tecnologia pode nos auxiliar a desenvolver nossas próprias ideias e produtos.

Vale lembrar: Hackers não são apenas invasores de redes. Existe um vasto universo dentro da cultura hacker e esse podcast explora um pouco dele.

#221. Hackathon e o Movimento Maker

Podcast Anticast: Pós-Verdade

Um podcast tão intrincado quanto a discussão sobre esse conceito que entrou em voga no final do ano de 2016, a pós-verdade.

Sempre tento estabelecer relações entre possíveis áreas do pensamento com questões abordadas na ficção científica. Pensando nisso, acredito ser de interesse aos fãs do gênero que gostam de uma reflexão mais profunda, um estudo sobre como a pós-verdade se relaciona com a tecnologia de nosso presente, com o comportamento social e as consequências de nos conectarmos diariamente as redes sociais.

Nesse contexto, o cyberpunk pode muito bem representar essa questão comunicativa: entre quantidades imensas de informações questionáveis, a busca pela verdade se confunde em meio a opiniões, movimentando dados virtuais que alimentam diariamente nossos dispositivos tecnológicos, enquanto sites divulgam conteúdo falso apenas para lucrar com publicidade. Esse é o belo resultado de nossa distopia cotidiana.

AntiCast 264 – A Pós-Verdade

Podcasts Braincast/Scicast: Inteligência Artificial

Complementando o assunto do post anterior (Construindo o Cyberpunk – Parte III), selecionei dois podcasts que explicam com a profundidade necessária para esclarecer diversos mitos, dúvidas e curiosidades sobre o campo das inteligências artificiais.

O primeiro, Braincast: #207. A Revolução das Máquinas Inteligentes, desmistifica completamente o tema, além de trazer exemplos de como a IA está sendo usada para os mais diversos fins. E tudo isso em meio a uma boa dose de humor.

 

O segundo está dividido em duas partes e se trata do Scicast sobre robótica, que provavelmente é o mais popular desenvolvedor de conteúdo acadêmico da podosfera brasileira.

http://www.deviante.com.br/podcasts/scicast/scicast-001-robotica-parte-1/

http://www.deviante.com.br/podcasts/scicast/scicast-002-robotica-parte-2/

Podcast Braincast: Por que rejeitamos ficção científica brasileira?

Quem se interessa por ficção científica já se deparou com esse tema em algum momento. A discussão é ampla, existem muitos fatores para serem levados em consideração em cada tipo de produção artística nacional. O estopim para esse debate foi a recente estreia do seriado 3%, a primeira produção nacional do gênero fantástico no Netflix.

A equipe do Braincast realizou uma abordagem tão grande quanto o assunto merecia, debatendo desde a quantidade de produções, a qualidade, o momento histórico e as influências culturais, tanto nos livros quanto nos filmes. Também comparam a formação de um grande mercado nacional de novelas e temas recorrentes a nossa cultura de apelo realista no cinema, descrevendo as dificuldades dos atores em se encaixar em padrões diferentes dos quais estão acostumados e a linguagem utilizada para compor cada um desses padrões.

Pode-se afirmar que o podcast apresenta um dos debates mais importantes da nossa era como consumidores, produtores e críticos de arte. Já está na hora de levar essa conversa para além das fronteiras dos preconceitos e esteriótipos.

Braincast 216 – Por que rejeitamos ficção científica brasileira?

Podcast Caixa de Histórias: Cultura da Interface

Criado por Paulo Carvalho, o Caixa de Histórias é um interessantíssimo podcast literário, que aborda os livros de maneira diferenciada, sempre realizando a leitura de um trecho da obra antes de comentar sobre ela. A experiência de Paulo como ator confere ao podcast uma qualidade excelente de seu trabalho.

No programa de nº 65, ele recebe Alexandre Maron (Diretor de Inovação Digital da Editora Globo) como convidado para discutirem sobre o livro Cultura da Interface, de Steve Johnson, um teórico da mídia, graduado em semiótica e literatura.

Lançado em 1997, Cultura da Interface nos apresenta uma análise ainda atual, onde as interfaces possibilitaram desenvolver maneiras diferentes de pensarmos e realizarmos tarefas, e como nossa cultura se integrou a tecnologia.

http://www.b9.com.br/67704/podcasts/caixadehistorias/caixa-de-historias-65-cultura-da-interface/

Podcast Jogabilidade: Ghost In The Shell – Stand Alone Complex

A equipe do blog Jogabilidade, produziu em seu podcast JACK (Jogabilidade Anime Club Knights) de número 13, um ótimo bate-papo sobre a primeira temporada do anime Ghost In The Shell: Stand Alone Complex.

Para quem busca se informar sobre os 26 episódios e entender melhor o universo em que ele se passa, vai ficar satisfeito com o podcast, que toca em vários aspectos do anime e da sua produção.

Aviso: contém spoilers.

JACK #13: GHOST IN THE SHELL: SAC

http://jogabilida.de/2016/03/jack-13/